Apresentação do álbum Poente – Eduardo Baltar Soares



Dezembro
21
2016

Concerto de Guitarra Clássica por Eduardo Baltar Soares. Apresentação de uma coleção de peças originais para guitarra: Poente

Quiero llorar mi pena y te lo digo

  para que tú me quieras y me llores

                      en un anochecer de ruiseñores,

                           con un puñal, con besos y contigo.

                    Federico Garcia Lorca

Pente de rouxinois cantores é um conjunto de canções originais para guitarra clássica compostas entre 2009 e 2015.

O título é uma alusão livre ao soneto de Garcia Lorca

Programa

quinta grande

a que horas te revoltas?

mina de sombras

moda galega

acalanto

improvisação

caballo

canção submersa

boa noite, serafina

Notas ao programa

Quinta Grande remete-me para as casas gandarescas da ria de Aveiro.

A que horas te revoltas? Foi escrita no dia 1 de maio e a pergunta é ambígua…

Mina de Sombras é inspirada numa rondeña flamenca. Uma referência às vilas mineiras e uma homenagem ao guitarrista Pedro Soler.

Acalanto é uma melodia de embalar ouvida ne região do Alto Douro.

Caballo é inspirada numa alegria flamenca, foi escrita para a peça de teatro Mulheres em Lorca do TeatroEnsaio. Uma homenagem ao guitarrista Pepe Habichuela.

Moda Galega é uma melodia simples que romanta ao livro de 1677 do músico espanhol Lucas Ruiz de Ribayaz e que ainda pode ser ouvida nas tunas rurais do Alto Douro. Lembra uma canção de Natal catalã.

A música Submerso tem um ambiente denso e grave que me recorda o mundo sub aquático. É uma homenagem ao contrabaixista Carlos Bica.

Boa noite, Serafina é uma invocação livre dos sonhos felinos.