porto

O presente recital está composto por obras de quatro dos mais importantes compositores da música argentina: Astor Piazzolla, Gustavo Leguizamón, Carlos Aguirre e Alberto Ginastera. As Cinco peças para guitarra (1980) de Astor Piazzolla e a Sonata Op.47 (1976) de Alberto Ginastera (obras já consagradas no repertório tradicional da guitarra) são as únicas escritas originalmente para guitarra por esses compositores.
Carlos “Negro” Aguirre é um pianista, compositor e arranjador de música popular. A partir do trabalho em parceria com o violonista Eduardo Isaac, surgiram duas suítes para guitarra sola (Paisajes, de 1996, e Imágenes, de 2004), nas quais Aguirre utiliza alguns dos gêneros da música tradicional argentina como base para a construção de uma linguagem pessoal e original. As peças aqui apresentadas fazem parte da suíte Paisajes.
O pianista e compositor Gustavo “Cuchi” Leguizamón deixou uma obra importantíssima para o folclore argentino. Segundo o escritor Federico Monjeau, as peças de Leguizamón “constituem um gênero próprio dentro do folclore, e são o mais valioso tesouro da música
argentina”. A linguagem inovadora deste compositor é aqui apresentada em versões arranjadas para guitarra sola por Pablo Márquez.
O recital encerra com outra obra de Piazzolla, Adiós Nonino, em um arranjo de Agustín Luna.
Rafael Iravedra nasceu na cidade de La Plata, Argentina, e é Mestre em Música (Práticas Interpretativas – Violão) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Em 2008, concluiu o Professorado en Guitarra pela Universidad Nacional de La Plata (UNLP) e em seguida cursou a Especialização Superior em Guitarra no Conservatório “Luis Gianneo” da cidade de Mar del Plata, com o maestro Eduardo Isaac, concluindo em 2012. Entre 2005 e 2011, ocupou o cargo de professor ajudante na Faculdade de Bellas Artes da UNLP, onde ministrou as disciplinas História da Música I e II. Entre 2015 e 2017, foi professor substituto de Violão e Prática de Conjunto no Curso Técnico em Instrumento Musical no Instituto Federal do Rio Grande do Sul (Brasil).
Participou de diversos festivais, cursos e masterclasses com renomados professores, como Pablo Márquez, Eduardo Fernández, Odair Assad, Eduardo Egüez, Fabio Zanon e Zoran Dukic, entre outros. Integrou o Quarteto de Violões da Faculdade de Bellas Artes entre 2004 e 2006, e foi convidado em várias oportunidades para tocar junto ao Ensemble de Música Contemporânea da FBA. Apresentou-se em concertos como solista e integrante de conjuntos de câmara em diversas salas da Argentina, Brasil e Colômbia. Atualmente, é doutorando em Práticas Interpretativas na UFRGS, sob orientação do Prof. Dr. Daniel Wolff, e estagiário no Programa de Doutoramento em Música da Universidade de Aveiro (Portugal).

Novembro
02
2017

Rafael Iravedra – Música Argentina para Guitarra

O recital é composto por obras de quatro dos mais importantes compositores da música argentina: Astor Piazzolla, Gustavo Leguizamón, Carlos Aguirre e Alberto Ginastera. As Cinco peças para guitarra (1980) de Astor Piazzolla e a Sonata Op.47 (1976) de Alberto Ginastera (obras já consagradas no repertório tradicional da guitarra) são as únicas escritas originalmente para guitarra por esses compositores.


Continuar
YANAY concerto na casa da guitarra porto

Junho
17
2017

Yanay é um grupo sonoro que reúne no seu trabalho referências indígenas do sul do Brasil, referências da canção pop, da música instrumental e electrónica. Com um som único e peculiar, YANAY abraça os ouvidos de quem escuta, preenchendo de brasilidade, africanidade e leveza as suas apresentações.


Continuar