Em Destaque

ANDRÉ TEIXEIRA- Viola de Fado Natural da cidade do Porto (1976), inicia muito jovem o seu percurso enquanto violista fortemente influenciado pelos sons do fado. Aos treze anos recebe os ensinamentos mais básicos da viola transmitidos pelo seu pai, Rolando Teixeira, e mais tarde por Mário Lopes, sendo que todo o seu percurso se demarca pelo facto de ser um autodidata. Desde cedo, juntamente com o seu pai, guitarrista, acompanhou muitos dos artistas da sua cidade nos mais variados eventos em que o fado estava presente. Na década de 90 passou por casas de fado como Casa da Mariquinhas, Pátio da Mariquinhas, Restaurante Típico o Fado, Mal Cozinhado e Taberna de S. Jorge, na companhia de Samuel Paixão, Álvaro Martins, Eduardo Jorge e Samuel Cabral, entre outros. Ao longo da sua vida académica, manteve presença assídua nos mais variados eventos de fado da sua cidade bem como no resto do país e estrangeiro, nomeadamente Alemanha, França, Espanha, Índia, Rússia e Roménia. Tem realizado espetáculos com Lenita Gentil, António Rocha, Beatriz da Conceição, Ricardo Ribeiro, Miguel Capucho, Rodrigo Costa Félix, Maria Ana Bobone, Maria Amélia Proença, Anita Guerreiro, Maria da Fé, Lina Rodrigues e Cuca Roseta, ao lado de grandes nomes da guitarra portuguesa como José Fontes Rocha, Ricardo Rocha, Samuel Cabral, Ângelo Freire, Pedro Amendoeira, Mário Pacheco, Guilherme Banza e Ricardo Parreira, entre outros. Apresenta espetáculos de fado por todo o país.

Setembro
10
2018

ANDRÉ TEIXEIRA- Viola de Fado

Natural da cidade do Porto (1976), inicia muito jovem o seu percurso enquanto violista fortemente
influenciado pelos sons do fado. Aos treze anos recebe os ensinamentos mais básicos da viola
transmitidos pelo seu pai, Rolando Teixeira, e mais tarde por Mário Lopes, sendo que todo o seu
percurso se demarca pelo facto de ser um autodidata.


Continuar
aulas, Cavaquinho, guitarra clássica, Guitarra Portuguesa de Coimbra, Guitarra Portuguesa de Lisboa, ukulele, técina vocal, acordeão

Setembro
2
2017

Escola das Artes Musicais Portuguesas, Inscrições abertas!
A Escola das Artes Musicais Portuguesas (EAMP) é um um centro educativo especializado no ensino da música tradicional portuguesa. Tem como objectivo dar resposta a uma procura crescente, por pessoas de todas as idades, no âmbito da formação estruturada e informada da música tradicional portuguesa nas suas múltiplas vertentes. A oferta educativa da escola procura abranger todo o universo dos cordofones portugueses e incluir instrumentos de outras famílias como os idiofones e os aerofones tradicionais.


Continuar
“Fado às 6h” é um espetáculo de fado tradicional, com duração aproximada de 60 minutos. A música é acompanhada com um Porto, servido no intervalo. Quintas-feiras, sextas- feiras e Sábados – Sessão às 18h Informações ou reservas, por favor contactar 222 010 033 ou geral@casadaguitarra.pt Casa da Guitarra Porto Fado às 6 is a performance of traditional fado music, that takes approximately 60 minutes. It is accompanied by a glass of Port served during the interlude. Thursdays, Fridays and Saturdays, at 6pm. For information or reservations, please contact 222 010 033 or geral@casadaguitarra.p Casa Guitarra porto fado oporto

Maio
17
2015

“Fado às 6h” é um espectáculo de fado tradicional, com duração aproximada de 60 minutos. A música será acompanhada com um Porto, servido no intervalo.
uinta, sexta e sábado – Sessão às 18h
Sessão às 18h
Fado às 6h” is performance of traditional fado music, that will take approximately 60 minutes. It will be accompained by a glass of Port wine served during the interlude.
Thursdays , Fridays and Saturday- Session at 6pm
Informations or reservations please contact 222 010 033 or geral@casadaguitarra.pt


Continuar

Outubro
2
2014

A Escola das Artes Musicais Portuguesas ( EAMP), é um um centro educativo especializado no ensino da música tradicional portuguesa.
Tem como objectivo dar resposta a uma procura crescente, por pessoas de todas as idades, no âmbito da formação estruturada e informada da música tradicional portuguesa nas suas múltiplas vertentes.


Continuar